Pesquisam indicam que cerca de 70% dos homens e 40% das mulheres, sofrem com a calvície. A principal causa é a alopecia androgenética, ou seja, uma resposta fisiológica, que acomete pessoas que tem predisposição genética, acarretando na queda dos cabelos. Ocorre quando as unidades foliculares são estimuladas pelo hormônio masculino testosterona, que provoca uma miniaturização (afinamento dos cabelos, de modo que ficam mais propensos a cair).

Para evitar ou reduzir a queda de cabelos, algumas dicas podem ser seguidas, tais como:

  • Não ingerir álcool em excesso e evitar o cigarro:As bebidas alcoólicas estimulam os radicais livres, que podem causar inflamação no couro cabeludo. Se a inflamação for muito grave pode acarretar na perda dos cabelos.
  • Praticar exercícios físicos: Isso faz bem a saúde dos fios, pois libera endorfina, substância que alivia o estresse, assim sendo, diminui também a queda dos cabelos.
  • Não se esquecer do uso do condicionador: O condicionador, usado após o xampu, facilita o processo de escovar os cabelos, sendo assim, é um modo de evitar a perda de muitos fios.
  • Lavar os cabelos frequentemente: Um cabelo limpo é mais saudável e previne contra doenças que podem estar acentuando a queda dos fios.
  • Diminuir o estresse: Pois ele pode interromper o crescimento do cabelo já que quando se está preocupado, o corpo perde a saúde e gera problemas físicos que incluem a queda de cabelo.

Se você procura um tratamento definitivo para a calvície, existem dois procedimentos de transplante capilar, chamados FUE e FUT.

Segundo Dra. June Favarin, cirurgiã da IMCAP, especialista em transplante capilar, na técnica FUE a retirada dos folículos é feita de um em um, com o objetivo de não deixar cicatriz, e em seguida ocorre o transplante. Os folículos utilizados podem ser do próprio paciente, de regiões como a barba ou o peito, levando em consideração que a região doadora precisará ser raspada, para que os folículos sejam extraídos corretamente. Após a cirurgia o paciente sentirá apenas um desconforto.

Na técnica FUT, são realizados cortes feitos com o bisturi, para que uma camada de tecido possa ser retirada do local doador, que pode ser a nuca. Após a ferida ser fechada, o local que irá receber os folículos sofre pequenas incisões, onde as unidades foliculares serão implantadas. Esse transplante permite remodelar grandes áreas que tenham sofrido com a calvície, contudo deixa uma cicatriz linear, que normalmente fica escondida entre os cabelos do local.

fue fut diferenças

As duas técnicas são vantajosas e conseguem deixar uma aparência natural. Contudo, para ter o máximo de exatidão na escolha, é necessário que o paciente realize uma avaliação com um cirurgião de transplante capilar, para passar pela avaliação e decisão sobre qual o procedimento de transplante capilar mais indicado para o caso.

Agende sua Consulta

A IMCAP possui três clínicas que realizam as técnicas FUE e FUT para transplante capilar.

TRANSPLANTE CAPILAR EM BELO HORIZONTE
(31) 4101-5372
 (31) 99446-2446

TRANSPLANTE CAPILAR EM CRICIÚMA
(48) 3437-6117
 (48) 98401-2958

TRANSPLANTE CAPILAR EM CURITIBA
(41) 3079-2282
 (41) 99903-2282

Links úteis sobre Transplante Capilar